BLOG

Vencedor do Prêmio de Melhor Roteiro no Festival deCannes em 2023, “Monster” segue em cartaz nos cinemas brasileiros

O filme conta com a última trilha sonora composta pelo vencedor do Oscar Ryuichi Sakamoto e teve exibição exclusiva no Festival do Rio, com todas as sessões esgotadas.

Após o lançamento de “Assunto de Família” (2018), que ganhou a Palma de Ouro de Cannes em 2018 e recebeu uma indicação ao Oscar de Melhor Filme Internacional, grandes expectativas cercavam os novos trabalhos do diretor. “Monster” (2023) teve sua primeira exibição oficial no Festival de Cinema de Cannes em 2023 e recebeu o prêmio de Melhor Roteiro, consolidando Kore-eda como um dos principais expoentes do cinema japonês.

“Monster” oferece aos espectadores uma obra emocionante que aborda temas sensíveis como bullying, conflitos familiares e violência escolar. A trama gira em torno da história de uma mãe que percebe algo errado quando seu filho começa a se comportar de maneira estranha. Ao descobrir que um professor é o responsável, ela vai até a escola exigindo saber o que está acontecendo. À medida que o caso se desenrola pelos olhos da mãe, do professor e da criança, a verdade sobre o que realmente aconteceu começa a surgir.

Diferentemente de suas obras anteriores, “Monster” conta Kore-eda Hirokazu apenas na direção. O roteiro é assinado por Yuji Sakamoto, roteirista japonês conhecido por seu trabalho em filmes como “We Fell In Love Like a Flower” (2021) e diversas séries de televisão. Além disso, “Monster” nos permite apreciar o último trabalho do renomado compositor japonês Ryuichi Sakamoto, que faleceu em março deste ano. Sakamoto é um ícone das trilhas sonoras cinematográficas e foi premiado com um Oscar por seu trabalho em “O Último Imperador” (1987), dirigido por Bernardo Bertolucci.

SOBRE A IMOVISION

Distribuidora presente no Brasil há mais de 35 anos , a Imovision vem se consolidando como uma das maiores incentivadoras do melhor cinema, tendo lançado mais de 600 filmes no Brasil.

A distribuidora tem em seu catálogo realizações de consagrados diretores internacionais e nacionais, e filmes premiados nos mais prestigiados festivais de cinema do mundo, como Cannes, Veneza, Toronto e Berlim. Mantendo seu foco em títulos de qualidade, a Imovision foi a responsável por introduzir no Brasil cinematografias raras e movimentos internacionais expressivos, como o Movimento Dogma 95 e o cinema iraniano.

SOBRE O DIRETOR

Nascido em Tóquio, Kore-eda Hirokazu solidificou seu nome como um dos maiores cineastas autorais japoneses. Ao longo de sua carreira, acumulou mais de 190 prêmios e indicações nos festivais de cinema mais prestigiados do mundo, incluindo o Oscar e o Festival de Cannes.

O diretor começou como assistente de direção em documentários televisivos antes de lançar seu primeiro longa-metragem, que foi premiado no Festival Internacional de Cinema de Veneza. Esse marco projetou sua promissora carreira profissional. Entre seus filmes mais notáveis estão “Assunto de Família” (2018), que lhe rendeu uma indicação ao Oscar de Melhor Filme Internacional e ganhou a Palma de Ouro em Cannes, “Ninguém Pode Saber” (2003), indicado à Palma de Ouro, “Pais e Filhos” (2013), vencedor do Prêmio do Júri em Cannes, e “Depois da Tempestade” (2016).

A Casa 1 é uma organização localizada na região central da cidade de São Paulo e financiada coletivamente pela sociedade civil. Sua estrutura é orgânica e está em constante ampliação, sempre explorando as interseccionalidade do universo plural da diversidade. Contamos com três frentes principais: república de acolhida para jovens LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros) expulsos de casa, o Galpão Casa 1 que conta com atividades culturais e educativa e a Clínica Social Casa 1, que conta com atendimentos psicoterápicos, atendimentos médicos e terapias complementares, com foco na promoção de saúde mental, em especial da comunidade LGBT.

Notícias Relacionadas

16 indígenas LGBTQIAPN+ para seguir no instagram e ter muito orgulho

Coletivo AMEM apresenta “Ball: Isso é Baile”, na Fábric...

BICHADOS, da Cia. Artera de Teatro, faz temporada na Oficina Cultur...

Casa 1 realiza VII Feira de Empregabilidade Trans, Travesti e Não B...

Ball Vera Verão cria Vera Verso em sua sétima edição

Casos de violência contra lésbicas aumentaram 50% em oito anos, mos...

O que diz nova resolução do Governo de SP sobre pessoas LGBT+ no si...

Em 2024, Masp terá programação focada na diversidade LGBTQIA+

Conselho Nacional orienta as preparatórias para a 4ª Conferência Na...

A história pioneira de João W. Nery em seus livros de memórias

Mahmundi faz show de sua nova turnê Amor Fati na Casa Natura Musical

Casa 1 realiza primeira chamada aberta do ano para educadores e ofi...