BLOG

Filipe Catto apresenta o show inédito “Catto canta Gal”no Sesc Bom Retiro 

Apresentação faz uma homenagem ao legado de Gal Costa e tem roteiro assinado por Catto, Ismael Canepelle e Cris Lisbôa 

Sesc Bom Retiro recebe nos dias 13 e 14 de Maio a cantora Filipe Catto com o show inédito Belezas São Coisas Acesas por Dentro: Catto canta Gal. O show é um percurso elétrico pelas canções da diva baiana na voz e performance de Filipe Catto e uma banda formada por Michele Abu (bateria), Fábio Pinczowski (guitarra) e Gabriel Bubu Mayall (baixo). 

“A Gal é matriz fundamental das cantoras brasileiras. Ela deu tudo pra gente: o rock, o samba, a bossa nova, a rebeldia, a elegância. A gente se encontrou algumas vezes e ela sempre foi um amor. Quando me chamaram pra fazer essa homenagem fiquei muito grata por poder encarnar essas canções tão poderosas e mandar todo meu amor pra Gal por tudo que ela fez por nós”, conta Filipe Catto

Com roteiro assinado por CattoIsmael Caneppele e Cris Lisbôa, “Belezas…” costura vários tempos da carreira de Gal com foco no repertório mais recente da artista como “Recanto Escuro”, “Jabitacá” e clássicos eternos como “Não Identificado” e “Sua Estupidez”. “A gente quis trazer essas pérolas contemporâneas que foram um farol pra minha geração”, complementa a artista. 

O show é uma celebração à obra de Gal Costa (1945-2022) que influenciou a carreira de muitas e muitos artistas: “A Gal foi uma grande entusiasta da nossa galera e deixou gravações belíssimas nos últimos anos. Quisemos celebrar esse lado dela, da visionária e da cantora eternamente moderna que ela foi e sempre será”, complementa a artista. 

SERVIÇO 

Filipe Catto 

Belezas são Coisas Acesas por Dentro: Catto canta Gal 

Dias 13 e 14/5. Sábado, 20h. Domingo, 18h. 

Ingressos R$ 12 (Credencial Plena), R$ 20 (Meia) e R$ 40 (Inteira) 

Local: Teatro (291lugares) 

Foto de capa: Divulgação/ Juliana Robin

A Casa 1 é uma organização localizada na região central da cidade de São Paulo e financiada coletivamente pela sociedade civil. Sua estrutura é orgânica e está em constante ampliação, sempre explorando as interseccionalidade do universo plural da diversidade. Contamos com três frentes principais: república de acolhida para jovens LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros) expulsos de casa, o Galpão Casa 1 que conta com atividades culturais e educativa e a Clínica Social Casa 1, que conta com atendimentos psicoterápicos, atendimentos médicos e terapias complementares, com foco na promoção de saúde mental, em especial da comunidade LGBT.

Notícias Relacionadas

Projeto “Lentes Coloridas” pesquisa perfil de profissionais LGBTQIA...

Casa 1 e Coletivo AMEM realizam Feira de Empregabilidade LGBTQIAPN+...

HQ Ciranda da Solidão é republicada e ganha edição especial

Conheça 10 pré-candidaturas LGBTQIA+ a prefeituras nas eleições de ...

Direitos LGBTQIAPN+ sob ataque no Congresso Nacional 

Instituições fazem mapeamento de candidaturas LGBTQIAPN+ para as el...

Com o tema “Aquilombar é Cura”, a Parada Preta 2024 aco...

Especialistas discutem os principais desafios de empregabilidade LG...

Pesquisa apresenta as maiores dificuldades das instituições LGBTQIA...

CUT lança cartilha de formação sindical como foco em pessoas trans

No fim das contas, ser orgulhosamente LGBTQIAPN+ era só moda mesmo

Senado aprova texto que cria recurso de proteção para LGBTQIA+ enca...