A LÂMINA — MOSTRA AUDIOVISUAL PRETA está com inscrições abertas até o dia 06 de abril. Voltada à exibição e discussão do cinema contemporâneo brasileiro produzido e realizado por artistas pretas e pretos, nessa primeira edição, a mostra vai selecionar filmes e conteúdos audiovisuais para cinema, web, TV e Vídeo On Demand (VOD). As inscrições podem ser feitas exclusivamente no site da mostra www.mostralamina.com.br, onde também é possível acessar o regulamento na íntegra.

O projeto parte de uma necessidade de promover o acesso a bens culturais pelo público negro e periférico do Espírito Santo e do Brasil, bem como de promover uma maior disseminação de produções realizadas por pessoas pretas, em âmbitos estadual e nacional. Além disso, visa a funcionar também como um inventário de como as questões raciais têm ajudado a construir um novo campo semântico e simbólico no terreno das artes e, em específico, na produção audiovisual.

Partindo de uma demanda histórica dos movimentos negros e periféricos de maior conexão entre o fazer cultural e o acesso de seus pares a essas produções, a LÂMINA pretende jogar luz em expressões e manifestações minoritárias e incentivar a multiplicidade e a pluralidade, a partir da proliferação das imagens, sons e trocas diversas.

Devido à pandemia de Covid-19, a 1ª edição do evento acontecerá inteiramente online, em maio de 2021. A programação conta com exibições de filmes, feiras, seminários, debates e cursos online e a participação do público é gratuita.

A LÂMINA — MOSTRA AUDIOVISUAL PRETA é uma realização da Claraboia e conta com apoio e patrocínio do Funcultura, do Governo do Estado e da Secretaria da Cultura do Espírito Santo (Secult), através da Lei Aldir Blanc.

SERVIÇO

Site: www.mostralamina.com.br

Instagram: @mostralamina

Twitter: @mostralamina

Por Casa 1

A Casa 1 é uma organização localizada na região central da cidade de São Paulo e financiada coletivamente pela sociedade civil. Sua estrutura é orgânica e está em constante ampliação, sempre explorando as interseccionalidade do universo plural da diversidade. Contamos com três frentes principais: república de acolhida para jovens LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros) expulsos de casa, o Galpão Casa 1 que conta com atividades culturais e educativa e a Clínica Social Casa 1, que conta com atendimentos psicoterápicos, atendimentos médicos e terapias complementares, com foco na promoção de saúde mental, em especial da comunidade LGBT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *