Renata Peron estreia solo em monólogo “Bendita Sois Entre as Mulheres”

Com estreia marcada para o dia 08/03 às 20h, no Núcleo Experimental, Bendita Sois Entre as Mulheres é o solo de Renata Peron, onde a artista revisita parte de sua história, entrelaçado por canções da cultura popular. A temporada seguirá sempre as quartas e quintas, 21h, até 30/03.

A partir do texto escrito por Vana Medeiros, Rodolfo e Renata costuraram novas possibilidades de leitura da trajetória da artista. Da morte da mãe, a juventude em Juazeiro da Bahia, o episódio de transfobia e violência vivenciados em São Paulo e os percalços para se estabelecer como uma artista transexual no país que mais mata transexuais no mundo, perfaz momentos do solo, que de forma simbólica e musical, relê esses momentos em diálogo com o conceito de Biodrama, onde o conteúdo cênico é elaborado a partir de informações e fatos reais. Na parte musical, Renata canta musicas que ficaram conhecidas na voz de Ney Matogrosso, Maysa, Marisa Monte, Roberto Carlos, entre outros e dá voz a composições recentes, como a da cantora Ayô Tupinambá. Este é o segundo trabalho que Renata desenvolve com Rodolfo Lima, que já dirigiu a artista em 2022 na reestreia de “Les Girls – uma diva perto de você”, da qual a artista faz parte do elenco.

Serviço

Bendita Sois Entre as Mulheres
Quando: 08 a 30/03, quartas e quintas-Feiras, 20h
Quanto: R$60 (Inteira) e R$30 (Meia)
Onde: Núcleo Experimental
Rua barra funda, 637 – Barra Funda
90 minutos – 50 lugares – 14 anos

Ingressos podem ser adquiridos pela plataforma Sympla
https://www.sympla.com.br/evento/bendita-sois-entre-as-mulheres/1877923

Sobre Renata Peron
Paraibana, radicada em São Paulo, é artista e cantora, tem 4 CDs gravados e um
DVD em homenagem ao Noel Rosa. Graduada em Serviço Social e Ativista da causa
trans, Renata já esteve envolvida em momentos emblemáticos da luta por direitos da
causa trans. Já foi candidata a deputada federal e participou de diversas peças de teatro.
Atualmente integra o elenco da peça “Les Girls…”, circula com seu projeto de Roda de
Samba da Diversidade e é Diretora de Divisão Técnica da Secretaria Municipal de
Esportes e Lazer. “Bendita Sois…” é seu primeiro monólogo.

Foto de capa: divulgação

Duo formado por pessoas trans lança seu primeiro ep de música instrumental

Duo recém-chegado na cena da música instrumental brasileira, Luis Chamis (piano) e Stephanie Borgani (voz) apresentam seu primeiro trabalho autoral na sexta-feira, dia 10 de fevereiro, precedido pelo single “Respiro do Mar”.

O lançamento é um EP formado por três faixas, entre elas uma composição autoral de cada integrante e uma releitura do clássico “Rapaz de Bem” (Johnny Alf). O trabalho se enquadra dentro dos estilos do jazz contemporâneo e da música instrumental brasileira, sendo marcado pelo uso da voz sem letra, como instrumento, e da improvisação. O nome “Respiro” remete à sensação de alívio ao voltar a criar, estabelecer trocas e vivências depois de dois anos de pandemia. Esse sentimento de liberdade e acolhimento em meio ao caos é o que o duo espera repassar ao ouvinte. “Respiro, Vol. 1” foi gravado em São Paulo em novembro de 2022 e é a primeira de uma série de três volumes a serem lançados ao longo do ano.

“Foi um processo de nos despirmos de amarras, desfazermos e refazermos nós, desobedecermos padrões e experimentarmos desconstruir o próprio formato do duo piano e voz. Flúido, como as ondulações do mar.” – Luis Chamis

Luis Chamis é pianista, compositor e educador tansmasculino, bacharel em piano popular formado pela Faculdade Santa Marcelina e também pela Escola de Música do Estado de São Paulo – EMESP Tom Jobim. Gravou dois discos autorais em 2019,  “Oluá Poãs”, com o quarteto Motirõ, e “Quarteto Empírico”, com o guitarrista Michel Leme, e já participou de projetos em parceria com Chico Pinheiro, Ted Nash (EUA), João Donato, e João Bosco.

Stephanie Borgani é vocalista, compositora, educadora e pianista de São Paulo. Atua principalmente com a voz sem letra, enxergando a improvisação como parte importante de seu trabalho artístico na música instrumental. Já tocou com artistas como Salomão Soares, Gaia Wilmer, Tatiana Parra, Maria Schneider, e Antonio Sánchez.

Foto de capa: divulgação

40 conteúdos da Casa 1 para a semana da visibilidade trans

Desde sua concepção a Casa 1 se posiciona pela defesa dos direito e da vida das pessoas trans e travestis e, nesses 6 anos, além das semanas de visibilidade, sempre produzimos conteúdos que priorizam a produção de conhecimento e a existência da população.

Pensando nisso, separamos 40 conteúdos para revisitar o ano todo!

“RETIFIQUEI, E AGORA?” cartilha desenvolvida em parceria com o projeto Poupa Trans para auxiliar na burocracia pós retificação

Pode ser baixada gratuitamente aqui

AULA ABERTA: “Câncer de mama em pessoas trans com Camila Macedo”

PASSAGEM SÓ DE IDA: Os caminhos de luta de Symmy

“PRÓLOGO” desenvolvido na IV Semana de Visibilidade Trans

Pode ser baixado gratuitamente aqui

Dedo no cu e gritaria: Aula aberta sobre sexo fluido, papéis e identidade de gênero, com Thiessita

Realização: 29/11/2019 | Especialista técnico: Jaqueline Gomes de Jesus.

Assista o vídeo completo aqui.

“ÁLBUM DE MEMÓRIAS” publicação desenvolvida durante a V Semana de Visibilidade Trans

Pode ser baixado gratuitamente aqui

“ESCREVIVÊNCIAS – CUSTURAS POÉTICAS” desenvolvido em uma oficina na IV Semana de Visibilidade Trans

Pode ser baixado gratuitamente aqui

PASSAGEM SÓ DE IDA: As muitas vidas de Leo

PASSAGEM SÓ DE IDA: Alex, livre, leve e solto

AULA ABERTA: “Trabalho em Arte e Saúde como Militância” com Natasha Wonderful

PUBLICAÇÃO “a carcaça trans racializada y a vida” por Abigail Campos Leal

Baixe completo aqui

Ledah Martins sobre as fotografias de Vânia Toledo

Diálogo entre acervos: Travesteca (Renata Carvalho) e Acervo Bajubá (Remom Bortolozzi)

Neon Cunha sobre as Bocas do Lixo e do Luxo

Apresentação do coletivo Tem Sentimento

PUBLICAÇÃO “Amante erótica” por Raíssa Éris Grimm Cabral

Pode ser baixado completo aqui

LAB DE MEMÓRIAS: Archivo de La Memoria Trans com María Belen Correa

LAB DE MEMÓRIAS: Transur (Uruguai) com Sofía Saunier

Foto de capa: Carla Carniel/ Peça “O Evangelho Segundo Jesus Cristo” na II Semana de Visibilidade Trans da Casa 1