BLOG

Primeiro arquivo de história da população trans é lançado no Brasil

Acervo online está aberto para visitação desde 12 de dezembro

Por Lívia Batista

Museu Transgênero de História e Arte (MUTHA) inaugurou, no dia 12 de dezembro, o Arquivo Histórico do Museu Transgênero de História e Arte (AHMUTHA), online. O acervo é o primeiro do Brasil e um dos poucos do mundo a se dedicar à história de pessoas trans, intersexo e outras identidades. A visitação é gratuita.

O MUTHA foi inaugurado no ano de 2020 através do Sarau MUTHA, durante a pandemia de Covid-19. A criação do museu foi concebida por Ian Habib, artista, curador, pesquisador e autor dos livros “Corpos Transformacionais”. A primeira ação da instituição contou com a participação de nove pessoas trans, entre elas Keila Simpson, recentemente nomeada a primeira travesti doutora Honoris Causa pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Desde então, já foram 12 projetos realizados pelo museu. 

Atualmente no site, também é possível visitar as exposições “Transespécie” e “Transjardinagem”. Além do Arquivo Histórico do Museu Transgênero de História e Arte (AHMUTHA), o museu conta com Arquivo Artístico de Dados (AAD) e projetos educacionais. O Museu Transgênero de História e Arte oferece ainda uma chamada aberta permanente para artistas e estudiosos do tema. 

Foto de capa:  MUTHA/Acervo Keila Simpson

Acesse o site da Agência Diadorim.

Notícias Relacionadas

Por que nova portaria do Ministério da Saúde é boa para pessoas trans

Encontro de Lutas: confluências entre o Dia Internacional de combat...

VoteLGBT participa do WebSummit Rio

23ª Feira Cultural da Diversidade LGBT+ transforma o Memorial da Am...

MST realiza o 1º Encontro Nacional de Travestis e Transexuais Sem T...

MPF pede revogação de norma do CFM que recomenda cirurgia precoce e...

MEC tem medo do ensino sobre gênero e diversidade sexual nas escola...

Espetáculo LGBT+ estreia gratuitamente em bibliotecas de SP

Ações confiáveis de ajuda à população LGBTQIA+ no Rio Grande do Sul

Sem apoio institucional, professores de SP combatem LGBTfobia com c...

Movimento Indígena LGBTQIAPN+ lança manifesto durante Acampamento T...

Marina Lima celebra sua carreira em show único na Casa Natura Music...