BLOG

O que significa estarmos publicando conteúdos de agências de notícias?

Desde o dia 26 de junho o Blog da Casa 1 começou a republicar conteúdos de agências de noticias independentes. São textos da “Agência Pública”, “Ponte Jornalismo”, “Agência Mural”, “Nos Mulheres da Periferia”, “Gênero e Número” e “DataLab”, todos veículos que contam com a licença Creative Commons, ou seja, conteúdos criados para serem reproduzidos gratuitamente, desde que sejam dados os devidos créditos, e muitas vezes até modificados, ao contrário do tradicional “direito reservado”.

Essa é uma prática cada vez mais comum, em especial fora dos veículos tradicionais onde o entendimento de que informação deve ser de acesso de todos é muito mais forte. Financiados coletivamente por pessoas físicas ou então por organização ligadas à Direitos Humanos, esses veículos tem maior liberdade para produzir pautas sem pressões políticas ou publicitárias (ligadas diretamente à audiência).

Todos os veículos que optamos por reproduzir contam com profissionais de extrema qualidade e linhas editoriais bem definidas, além claro, de se debruçarem em pautas que estão ligadas à atuação da Casa 1, e que muitas vezes nos falta braço para dar atenção da forma como merecem.

E se você quiser ajudar esses veículos a continuar produzindo seus conteúdos tão relevantes e necessários, pode contribuir em seus financiamentos coletivos:

https://www.catarse.me/periferias

https://aliados.apublica.org/

https://www.catarse.me/generonumero

https://ponte.org/apoie-catarde-assinaturas/

http://nosmulheresdaperiferia.com.br/

http://datalabe.org/

Iran Giusti é formado em Relações Públicas pela FAAP, passou por agências como TVRP e Remix Social Ideias. Como jornalista atuou no Portal iG, BuzzFeed Brasil. Atualmente é repórter no Terra Nós e diretor institucional da Casa 1

Notícias Relacionadas

MST realiza o 1º Encontro Nacional de Travestis e Transexuais Sem T...

MPF pede revogação de norma do CFM que recomenda cirurgia precoce e...

O que diz nova resolução do Governo de SP sobre pessoas LGBT+ no si...

AzMina lança site que reúne todas as informações sobre aborto no Br...

Casa1 participa do 1º Encontro de Referência LGBTQIAPN+ em Fortaleza

Lula veta parcialmente projeto de marco temporal do Congresso

Exigir cirurgia para trans irem a prisões femininas é política tran...

A cara da dura: homens trans do RJ enfrentam o preconceito na hora ...

Lula cria pacto nacional de prevenção a feminicídios  

Novo RG não terá campo ‘sexo’ nem distinção entre ‘nome’ e ‘nome so...

Ministério dá posse a membros do conselho LGBTQIA+

Sem políticas de abrigamento, população LGBTQIA+ enfrenta o desamparo