BLOG

9,3% dos brasileiros acima de 16 anos são LGBTI+, diz pesquisa

15,5 milhões de brasileiros maiores de 16 anos compõem a sigla; mais pobres e menos escolarizados convivem mais com a LGBTIfobia no trabalho

Por Bruno Nomura

Ao menos 9,3% da população brasileira com 16 anos ou mais se identifica como LGBTI+, aponta uma pesquisa do Datafolha divulgada na quarta-feira (21). Isso representa um total de 15,5 milhões de pessoas ao redor do país. Entre os mais jovens, o índice de identificação com a sigla chega a 18%. O levantamento, contratado pelas Havaianas e All Out, também aponta um cenário em que a convivência com a LGBTIfobia no trabalho é maior entre os mais pobres e menos escolarizados.

Segundo a pesquisa, 9,3% dos brasileiros se identificam como lésbicas, gays, bissexuais, pansexuais, assexuais, trans, travestis, não binários ou intersexuais. O nível de identificação é maior entre os jovens: 18% dos brasileiros de 16 a 24 anos e 13,2% dos entre 25 e 34 se consideram LGBTI+, em comparação com 5,3% na faixa etária de 60 anos ou mais.

Os percentuais também são maiores nas regiões metropolitanas (10,9%) do que no interior (8,2%), e entre brasileiros com ensino superior (11,3%) do que com ensino fundamental (7,4%). Já o fator de renda não apresentou grandes variações, indo de 9% nas classes D e E a 9,6% nas A e B.

Bissexuais representam a parcela mais numerosa da população brasileira, 2,7%, seguida por trans e travestis (1,7%), gays (1,6%), lésbicas (1,2%), intersexuais (0,98%), assexuais (0,9%), pansexuais (0,9%) e não binários (0,8%).

Foram entrevistadas 3.674 pessoas com idade a partir de 16 anos, entre maio e junho deste ano. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Acesse o site da Diadorim.

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Notícias Relacionadas

Encontro de Lutas: confluências entre o Dia Internacional de combat...

VoteLGBT participa do WebSummit Rio

23ª Feira Cultural da Diversidade LGBT+ transforma o Memorial da Am...

MPF pede revogação de norma do CFM que recomenda cirurgia precoce e...

MEC tem medo do ensino sobre gênero e diversidade sexual nas escola...

Espetáculo LGBT+ estreia gratuitamente em bibliotecas de SP

Ações confiáveis de ajuda à população LGBTQIA+ no Rio Grande do Sul

Sem apoio institucional, professores de SP combatem LGBTfobia com c...

Movimento Indígena LGBTQIAPN+ lança manifesto durante Acampamento T...

Marina Lima celebra sua carreira em show único na Casa Natura Music...

Premiado filme espanhol, “20.000 espécies de abelha” se...

10 formas de saber mais sobre Libras e a comunidade surda