Uma canção política, forte e atemporal lançada em 1988 em um Brasil recém liberto da ditadura militar. A escolha de “O Tempo Não Para” não foi muito difícil para Chriscco que, desde sua infância era fascinado pela força e personalidade transgressora de Cazuza. Inspirado por ele e outros ídolos do rock nacional, o artista lembra que os ouvia escondido, pois fora criado uma família ultra religiosa. Ainda mais sobre a falta de acesso aos artistas da música popular brasileira, o paulistano considera que está sempre em débito com a cultura nacional e se apega a referências como o próprio Cazuza, Milton Nascimento, Caetano Veloso, entre outros.

A nova versão traz elementos de música pop soul, trap e R&B. A produção musical fica por conta do experiente Mudd Rodriguez, produtor do ramo, com mais de 11 anos de atualização. Joabye, artista de Santana de Parnaíba, tem trabalho com Chriscco desde seu primeiro lançamento em 2017, o EP “Inflama”. 


“O Tempo não Para” configura como um dos maiores hits do ícone carioca, que marcou a história com sua luta e entrega total a arte. A homenagem acontece no mês em que completam exatos 31 anos que Cazuza nos deixou. Além de covers nacionais, a grande novidade é alteração do nome artístico, que passa assinar com letras dobradas. Questionado se a alteração faz parte de alguma estratégica para o sucesso, o cantor diz que só está buscando resolver problemas nas plataformas digitais, mas que espera muito das próximas eras. 

Compartilhe:

Por Casa 1

A Casa 1 é uma organização localizada na região central da cidade de São Paulo e financiada coletivamente pela sociedade civil. Sua estrutura é orgânica e está em constante ampliação, sempre explorando as interseccionalidade do universo plural da diversidade. Contamos com três frentes principais: república de acolhida para jovens LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros) expulsos de casa, o Galpão Casa 1 que conta com atividades culturais e educativa e a Clínica Social Casa 1, que conta com atendimentos psicoterápicos, atendimentos médicos e terapias complementares, com foco na promoção de saúde mental, em especial da comunidade LGBT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *