Texto por Camila Mabeloop, voluntária de Comunicação da Casa 1

E vamos de maratona sáfica? Dá uma olhada no que chegou recentemente – e ainda vai chegar este mês – com personagens lésbicas para nos apaixonarmos:

Primeira Morte | Netflix

Para os fãs de histórias de vampiros que sempre desejaram uma versão lésbica estilo Crepúsculo, pode ser que gostem da série lançada este mês pela Netflix. Em Primeira Morte, Calliope e Juliette vivem um romance adolescente proibido no mais estilo clássico-brega Romeu e Julieta. 

Juliette é uma vampira que precisa de uma primeira vítima para melhorar alguns sintomas que vem sentindo, e ela morde Calliope, a garota nova da escola. O único problema é que, Calliope é uma caçadora de monstros e estava pronta para atacá-la também. A partir disso, a batalha começa, e acompanhamos o que vai vencer: a paixão ou a missão de vida de cada uma. 

Crush – Amor Colorido | Star+

Se você quer uma comédia romântica para sua maratona com protagonistas lésbicas e bissexuais, você precisa assistir “Crush” que acaba de chegar ao Brasil na Star+, em 17 de junho, e promete deixar o nosso coração quentinho. O filme conta a história de uma estudante de arte que está prestes a entrar na faculdade, e se encontra em um triângulo amoroso dividida entre duas irmãs gêmeas. O filme foi dirigido por Sammi Cohen e escrito por Kirsten King e Casey Rackham.

Heartstopper | Netflix

Um lançamento não tão recente assim, mas Tara e Darcy merecem ser citadas sempre que possível. O casal sáfico de Heartstopper literalmente fez nossos corações pararem em cada cena da série. O foco principal é o romance de Nick e Charlie, no entanto, os personagens paralelos têm suas histórias muito bem contadas também e seus momentos garantidos. E assim, acompanhamos nosso casal de mulheres adolescentes passar pela saída do armário para os amigos na escola e nas redes sociais e desenvolver uma relação cada vez mais bonita. Estamos ansiosas para a segunda temporada!

This Is Us – Temporada 6 | Star+

Se você ainda não é um fã da família Pearson, e não foi convencido a assistir à série ainda, aqui vai mais um motivo: tem personagem lésbica também! Ao longo das temporadas, vemos Tess Pearson, filha de Randall e Beth, crescer e descobrir que sente atração por meninas. Acompanhamos a saída do armário, o primeiro amor e muito mais. A última temporada da série acaba de chegar ao streaming, se você quer botar o choro para fora, esta é a série perfeita para isso.

Killing Eve – Temporada 4 | Globoplay

A última temporada de Killing Eve chega neste mês no Globo Play e vai ser difícil nos despedirmos da assassina sáfica favorita dos seriados. Para quem ainda não maratonou as outras temporadas, Eve (Sandra Oh – eterna Cristina Yang) vive uma agente secreta que deseja prender Villanelle (Jodie Comer) a todo custo. E essa busca acontece, literalmente, entre tapas e beijos. Na última temporada finalmente descobrimos se elas ficam juntas ou não.

Love, Victor | Star+

Se você assistiu e gostou do filme “Com amor, Simon” talvez goste também de “Love, Victor”, série derivada do filme. O personagem principal está descobrindo sua sexualidade após entrar na Creekwood High School – a mesma escola em que Simon estudou no filme. E as personagens que vão conquistar as sáficas são Lake e Lucy. A terceira e última temporada estreou no último dia 15 com oito episódios no Star+ e as duas temporadas anteriores também estão disponíveis no streaming.

Quais desses você já assistiu? O que achou? Conta pra gente nos comentários!

Foto de capa: Divulgação/ Crush

Por Casa 1

A Casa 1 é uma organização localizada na região central da cidade de São Paulo e financiada coletivamente pela sociedade civil. Sua estrutura é orgânica e está em constante ampliação, sempre explorando as interseccionalidade do universo plural da diversidade. Contamos com três frentes principais: república de acolhida para jovens LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros) expulsos de casa, o Galpão Casa 1 que conta com atividades culturais e educativa e a Clínica Social Casa 1, que conta com atendimentos psicoterápicos, atendimentos médicos e terapias complementares, com foco na promoção de saúde mental, em especial da comunidade LGBT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *