Sob curadoria da atriz Renata Carvalho, encontro virtual realiza conversa entre a escritora e o público sobre suas impressões e processos criativos 

A proposta do Clube do Conto realizado pelo Sesc Carmo é a conversa entre o escritor e o público, com o objetivo de trocarem suas impressões. Em 2022, o Clube do Conto traz destaques em diversas linguagens para a curadoria de seus escritores. Nos meses de maio, junho e julho, a curadoria é da atriz e escritora Renata Carvalho. Nesta edição, a convidada é Ave Terrena que apresenta seu conto “Unidade Básica de Saúde”.  

Nesse conto, Fátima trabalha numa Unidade Básica de Saúde. A cada paciente que chama, se lembra de momentos de sua vida entrelaçados à situação das pessoas que atende. Os equipamentos da UBS começam a falhar e todes ficam à flor da pele, causando pequenos escândalos cotidianos. 

Ave Terrena é escritora, poeta, dramaturga, diretora teatral, performer e integra o corpo docente da Escola Livre de Teatro de Santo André, ocupando atualmente a função de coordenadora pedagógica. Já publicou o livro de poesias ‘Segunda Queda’ e as peças “as 3 uiaras de SP city” e “O corpo que o rio levou”. Já teve ao todo sete peças encenadas, em São Paulo, Macapá e na cidade do Porto. 

Sobre a curadoria 

Renata Carvalho é atriz, diretora, dramaturga e transpóloga. Graduanda em Ciências Sociais. Fundadora do MONART (Movimento Nacional de Artistas Trans). Fará a curadoria do Clube do Conto para o Sesc Carmo nos meses de maio, junho e julho. 

Serviço: 

Sesc Carmo 

Clube do Conto e Renata Carvalho apresentam: “Unidade Básica de Saúde”com Ave Terrena 
Dia 30/06/2022, quinta, das 19h às 20h30 
Transmissão via Microsoft Teams 
Não recomendado para menores de 16 anos 
Inscrição 23 a 29/06 em sescsp.org.br/inscricoes 
Grátis  

Foto de capa: Divulgação

Por Casa 1

A Casa 1 é uma organização localizada na região central da cidade de São Paulo e financiada coletivamente pela sociedade civil. Sua estrutura é orgânica e está em constante ampliação, sempre explorando as interseccionalidade do universo plural da diversidade. Contamos com três frentes principais: república de acolhida para jovens LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros) expulsos de casa, o Galpão Casa 1 que conta com atividades culturais e educativa e a Clínica Social Casa 1, que conta com atendimentos psicoterápicos, atendimentos médicos e terapias complementares, com foco na promoção de saúde mental, em especial da comunidade LGBT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *