A iniciativa Meninas in Tech surgiu em 2020 com o propósito de ampliar oportunidades para mulheres a partir de uma formação em programação.

Em 2022, além da intenção de aumentar o número de mulheres no mercado de tecnologia, o programa também busca abrir uma turma exclusiva para pessoas que se identificam como mulheres e façam parte da comunidade LGBTQIAP+: cis, trans, lésbicas, bissexuais e não-binárias. 

O objetivo do programa é proporcionar mais oportunidades de inclusão, diversidade e acesso da comunidade ao mundo Tech, um mercado ainda predominantemente masculino. Afinal, os altos índices de desigualdade de gênero na área são reflexo do papel central do machismo e lgbtfobia estruturais da nossa sociedade. Há um déficit de uma rede de apoio estruturada para mulheres LBTQ+ e nesse aspecto o Meninas in Tech é fundamental,  pois além de buscar capacitá-las com um conjunto de hard skills necessários para ingressarem no mercado de trabalho, visa empoderá-las e instrumentalizá-las emocionalmente com as soft skills necessárias para lidar com a injustiça social que se faz presente, inclusive, nas empresas que irão empregá-las.

A Alura, plataforma de ensino que acredita no poder da educação e da tecnologia para transformar as pessoas e suas carreiras,é parceira da Fly neste projeto. Essa união permitiu expandir as experiências das alunas, mentores e professores pois oferece um ambiente completo para o estudo e desenvolvimento nas diversas vertentes da tecnologia.

Com co-realização da iFood e o apoio da Droga Raia, esse projeto foi viabilizado por meio de um processo de Matchfunding, um modelo de financiamento coletivo em que ocorre o aporte de uma instituição. Para esta campanha, o Fundo Todo Cuidado Conta colaborou com R$ 1 para cada R$1 investido no projeto. Ao final da campanha a meta de arrecadação foi batida em 144,5%. 

Inscrição 

O curso tem duração de 4 meses e prepara as alunas para uma carreira promissora em Desenvolvimento web.​ As aulas consistem em encontros semanais online e realização de projetos. Acreditamos ser a melhor maneira de aprendizado, pois, ainda durante o programa, você estará formando seu portfólio.

O processo seletivo é formado por 4 etapas e todas são obrigatórias e eliminatórias, começando pela inscrição (08/02 – 08/03), etapa cognitiva e entrevista. Sabemos que muitas pessoas da comunidade enfrentam situação de vulnerabilidade social, por isso selecionaremos 3 alunes para receber notebooks e auxílio Internet durante 3 meses (período de duração do módulo de tecnologia). 

Sobre o Curso

O curso é gratuito, com metodologia socioemocional exclusiva da Fly combinada à metodologia cognitiva da Alura. Dividido em três módulos, as aulas consistem em encontros semanais online e realização de projetos, onde será possível a formação do portfólio dos alunes. Além disso, todos os participantes terão uma rede de apoio muito grande com ex-alunas, mentoras, professoras e as mais novas embaixadoras.

Para mais informações acesse o site: https://www.flyeducacao.org/inscricao-meninas-in-tech

Sobre a Fly 

A Fly Educação é uma organização sem fins lucrativos que promove a educação experiencial para resolver problemas reais e desenvolver as competências socioemocionais dos alunos. Além disso, A Fly acredita que é necessário promover uma educação que (re)conecta as pessoas consigo mesmas, criar empatia e vínculos saudáveis com o outro e encorajar cada um a usar todo seu potencial criativo para transformar o mundo. Até hoje, seus projetos Semente, Meninas in Tech, Superprofs e Fly Talks impactaram mais de 3000 pessoas diretamente; e mais de 30 escolas já utilizam a Metodologia da Fly. 

Quem quiser saber mais sobre os demais projetos, acesse o nosso site: https://www.flyeducacao.org/ 

Por Casa 1

A Casa 1 é uma organização localizada na região central da cidade de São Paulo e financiada coletivamente pela sociedade civil. Sua estrutura é orgânica e está em constante ampliação, sempre explorando as interseccionalidade do universo plural da diversidade. Contamos com três frentes principais: república de acolhida para jovens LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros) expulsos de casa, o Galpão Casa 1 que conta com atividades culturais e educativa e a Clínica Social Casa 1, que conta com atendimentos psicoterápicos, atendimentos médicos e terapias complementares, com foco na promoção de saúde mental, em especial da comunidade LGBT.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Oie, divide seu email com a gente?

Assim você pode receber nossas novidades a cada mês :)

Obrigada!

ERRO!

Casa 1 will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.