BLOG

DESPROGRAMADO.EXE é o primeiro single do projeto FUTURÍSTICA, que mistura criações visuais e música

Com influências de música pop/eletrônica e uma pitada de funk, as artistas Alexys Àgosto e Dêivití lançam DESPROGRAMADO.EXE, faixa abre alas do projeto artístico da dupla. Feito de forma totalmente autoral, a dupla abusa de sintetizadores para construir uma atmosfera futurista no seu single de estreia.

Alexys Àgosto e Dêivití são duas pessoas não binárias que estão começando sua carreira musical. Alexys Àgosto tem 23 anos e é musicista, atriz e dramaturga. Estuda Artes Cênicas na Universidade de São Paulo e pesquisa o grupo teatral Dzi Croquettes, que serve de influência para seu trabalho artístico. Dêivití vem da periferia da Zona Sul de São Paulo. É também estudante de Artes Cênicas, poeta, videomaker e musicista, compondo músicas desde 2014.  Desde 2020 as duas constroem “FUTURÍSTICA”, um projeto dividido em três atos (três EPs). Uma mistura de música pop, ficção científica e dramaturgia. Esse projeto será lançado ao longo de 2021.

Em DESPROGRAMADO.exe, somos apresentades à Futurística, personagem que se perdeu no espaço-tempo e ficou presa na nossa realidade. Sua missão é “te desprogramar” ao cantar sua história. É ela a voz por trás de todas as músicas do projeto. Conheceremos suas dores, seus amores e mais de suas vontades nos próximos lançamentos.

O vídeo foi gravado e editado por Alexys Àgosto, usando um chromakey caseiro. Os vocais da música também são dela. A produção musical foi realizada em parceria com Dêivití, sendo elu responsável pela mixagem e masterização. A assistência de arte, edição de fotos e desenhos (como a arte de capa) que acompanham o projeto são uma contribuição de Armr’Ore, também uma pessoa não binária. 

 “DESPROGRAMADO.EXE é o nosso primeiro single, e apresenta o universo tecnológico de FUTURÍSTICA. É o prólogo da história que iremos cantar. Essa música fala sobre a necessidade de se desprogramar tecnologias construídas sobre os nossos corpos que nos fazem mais mal do que bem”, declara Alexys Àgosto. 

A música foi lançada dia 01/02 em todas as plataformas digitais, após uma intensa programação de fotos e vídeos nas redes sociais. O videoclipe da música foi lançado no I Sarau do CALC (Centro Acadêmico Lupe Cotrim, ECA-USP) no último sábado (06/02). 

A Casa 1 é uma organização localizada na região central da cidade de São Paulo e financiada coletivamente pela sociedade civil. Sua estrutura é orgânica e está em constante ampliação, sempre explorando as interseccionalidade do universo plural da diversidade. Contamos com três frentes principais: república de acolhida para jovens LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros) expulsos de casa, o Galpão Casa 1 que conta com atividades culturais e educativa e a Clínica Social Casa 1, que conta com atendimentos psicoterápicos, atendimentos médicos e terapias complementares, com foco na promoção de saúde mental, em especial da comunidade LGBT.

Notícias Relacionadas

Instituições fazem mapeamento de candidaturas LGBTQIAPN+ para as el...

Com o tema “Aquilombar é Cura”, a Parada Preta 2024 aco...

O que rolou de graça na Casa 1 em maio

Especialistas discutem os principais desafios de empregabilidade LG...

Pesquisa apresenta as maiores dificuldades das instituições LGBTQIA...

CUT lança cartilha de formação sindical como foco em pessoas trans

No fim das contas, ser orgulhosamente LGBTQIAPN+ era só moda mesmo

Senado aprova texto que cria recurso de proteção para LGBTQIA+ enca...

Ministério destina R$ 8,5 milhões em ações para população LGBTQIA+

‘A bandeira é nossa’: Parada do Orgulho LGBT+ leva verde e amarelo ...

Oficina de canto para pessoas trans e travestis acontece em Petrolina 

Com programação especial, Casa Natura Musical celebra o Mês do Orgu...