Tendo percorrido mais de 30 festivais internacionais filme chega aos cinemas dia 09 de dezembro.

O premiado “Madalena”, primeiro longa-metragem de ficção de Madiano Marcheti, divulga trailer oficial e anuncia data oficial de estreia: 09 de dezembro com distribuição da Sessão Vitrine, projeto da Vitrine Filmes. Clélia Bessa, Joel Pizzini, Sérgio Pedrosa, Marcos Pieri, Beatriz Martins são os produtores do longa. A produção é da PóloFilme e da Raccord, em coprodução com Vira Lata e Terceira Margem.

O filme tem como ponto de partida o corpo de Madalena, encontrado em uma plantação de soja. Na sequência a trama acompanha a história de três jovens – Luziane (Natália Mazarim), Bianca (Pamella Yule) e Cristiano (Rafael de Bona), que vivem contextos diferentes em uma mesma cidade. Embora não se conheçam, o espírito de Madalena que esvoaça sobre a cidade, torna-se um elo entre os três. O longa denuncia a violência constante do país que mais mata a população LGBTQIA+. “Madalena” foi rodado em Dourados, no Mato Grosso do Sul e contou com mais de 20 atores do Estado no elenco.

Com estreia mundial no 50º Festival Internacional de Cinema de Roterdão (Holanda), o filme já foi selecionado para mais de 30 festivais internacionais e conquistou oito prêmios. Destaca-se a seleção para o Festival Internacional de San Sebastian (Espanha), Festival de Biarritz (França) e Festival de Cinema de Lima Pucp (Peru), neste último sendo consagrado com três prêmios: Melhor Filme, Melhor Interpretação com o prêmio Gio aos filmes LGTBIQ+ de Crônicas de Diversidade) para Pamella Yulle e Melhor Direção também com com prêmio Gio. No Brasil o filme teve sua estreia na 45ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo e foi exibido no Festival Mix Brasil de Cultura e Diversidade conquistando o Prêmio de Melhor Diretor.

SINOPSE

Entre as vidas de Luziane, Cristiano e Bianca há pouca coisa em comum além do fato de viverem em uma pequena cidade cercada de plantações de soja no interior do Brasil. Embora não se conheçam, os três são afetados pelo desaparecimento de Madalena. Em regiões diferentes da cidade, cada um deles encontra seu modo de responder a essa ausência.

DIRETOR – MADIANO MARCHETI

Madiano Marcheti nasceu e foi criado em Mato Grosso, região amazônica do Brasil. MADALENA é seu primeiro longa-metragem. Atualmente, ele desenvolve seu próximo filme, “Mãe do Ouro”, e roteiriza os longas em desenvolvimento “Imagens do Calabouço” (dir. Carolina Aleixo) e “Chana com Chana” (dir. Lia Kulakauskas). Dirigiu o curta-metragem “O Lugar Mais Frio do Rio”, premiado no VII Festival Janela Internacional de Cinema de Recife e integrante de vários festivais, incluindo o Cinélatino, 27èmes Rencontres de Toulouse. Também dirigiu os curtas “Essa barra que é gostar de você”, “Travessias” e “Vácuo”, que circularam por vários festivais brasileiros.

Por Casa 1

A Casa 1 é uma organização localizada na região central da cidade de São Paulo e financiada coletivamente pela sociedade civil. Sua estrutura é orgânica e está em constante ampliação, sempre explorando as interseccionalidade do universo plural da diversidade. Contamos com três frentes principais: república de acolhida para jovens LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros) expulsos de casa, o Galpão Casa 1 que conta com atividades culturais e educativa e a Clínica Social Casa 1, que conta com atendimentos psicoterápicos, atendimentos médicos e terapias complementares, com foco na promoção de saúde mental, em especial da comunidade LGBT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *