Estamos na reta final de 2021 então fizemos uma retrospectiva dos conteúdos mais acessados aqui no site. Tivemos mais de 415 mil acessos no site e ficamos muito contentes em saber que nossa produção tem chegado em tanta gente!

Tem lista de livro, série, entrevista, perfis para seguir nas redes e mais.

Esperamos trazer cada vez mais conteúdos que divirtam e informem as pessoas que nos acompanham e apoiam nosso trabalho!

13 filmes e séries para entender a história do HIV/AIDS

ALESP tenta aprovar Projeto de Lei que proíbe a alusão de LGBT+ na publicidade

Precisamos falar sobre sexo: Cartilha de Saúde Sexual

14 séries com personagens bissexuais para maratonar

Como ajudar a barrar o Projeto de Lei LGBTfóbico do Estado de SP

15 perfis LGBT+ para seguir no TikTok

25 materiais para entender como foi a Ditadura para LGBTs

10 artistas negras e latinas e caribenhas para conhecer

Vitor diCastro: “No meio da pandemia, que espaço damos para a internet na nossa vida”

18 momentos em que Padre Julio Lancellotti “fez tudo sozinho”

20 livros para ler de graça nessa quarentena sem fim

Com o “Marco Temporal”, povos indígenas podem perder os meios para sua sobrevivência

Bolsonaro veta distribuição gratuita de absorvente a mulheres de baixa renda

Centro Cultural Vila Itororó, em São Paulo, é inaugurado com oficinas e shows

Casa 1 se une ao Projeto T.P.M. para combater a pobreza menstrual

50 mulheres que foram (e ainda são) crushes de outras mulheres

“Que família tradicional brasileira contrataria uma travesti como empregada doméstica?”

10 vezes que Bota Pó foi o momento

Porque decidimos não fazer mais a cobertura do BBB (e não tem nada a ver com o livro)

6 autoras e autores negros obrigatórios para ter na cabeceira da cama

CRN-1 lança Guia de cuidado e atenção nutricional à população LGBTQIA+

Caren: “A feminilidade não foi feita para mulheres lésbicas, mas, principalmente, não foi feita para mulheres negras”

Compartilhe:

Por Casa 1

A Casa 1 é uma organização localizada na região central da cidade de São Paulo e financiada coletivamente pela sociedade civil. Sua estrutura é orgânica e está em constante ampliação, sempre explorando as interseccionalidade do universo plural da diversidade. Contamos com três frentes principais: república de acolhida para jovens LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros) expulsos de casa, o Galpão Casa 1 que conta com atividades culturais e educativa e a Clínica Social Casa 1, que conta com atendimentos psicoterápicos, atendimentos médicos e terapias complementares, com foco na promoção de saúde mental, em especial da comunidade LGBT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *